Contabilidade e Matemática para Negócios e Concursos

domingo, 24 de março de 2019

Questão 5 - Exame de Suficiência CFC 2018.2 - Ativo mantido para venda

Uma entidade do setor de educação está passando por um momento de reestruturação em suas atividades operacionais. A entidade está comprometida com o plano de vender suas atuais instalações (prédio sede, móveis e equipamentos) para subsidiar financeiramente a aquisição de novas instalações em outro bairro da cidade. A entidade já iniciou ações para localizar comprador, mas continua utilizando as atuais instalações até que as novas sejam adquiridas. Em sua última reunião, a diretoria da entidade resolveu não transferir as atuais instalações a um eventual comprador até que a compra das novas instalações seja efetuada. Apesar de ignorar termos habituais e costumeiros para a venda de ativos desse tipo, a entidade está disposta a manter um compromisso firme de compra –com algum eventual comprador, comprometendo-se a transferir as atuais instalações assim que as novas estiverem prontas para uso pela entidade. Considerando-se apenas as informações apresentadas e a NBC TG 31 (R4) – Ativo não circulante mantido para venda e operação descontinuada, assinale a alternativa correta.

A) As atuais instalações estão disponíveis para venda imediata.

B) As atuais instalações não podem ser classificadas como Ativo Não Circulante Mantido para Venda.

C) A entidade já iniciou ações para localizar comprador; portanto, poderá classificar as atuais instalações como Ativo Não Circulante Mantido para Venda.

D) As atuais instalações podem ser classificadas como Ativo Não Circulante Mantido para Venda, pois há um compromisso firme de compra para a transferência futura dessas instalações.

Solução:

Conforme a NBC TG 31 (R4) – Ativo não circulante mantido para venda e operação descontinuada, referente à Classificação de ativo não circulante como mantido para venda, diz o seguinte:

"6. A entidade deve classificar um ativo não circulante como mantido para venda se o seu valor contábil vai ser recuperado, principalmente, por meio de transação de venda em vez do uso contínuo. 

7. Para que esse seja o caso, o ativo ou o grupo de ativos mantido para venda deve estar disponível para venda imediata em suas condições atuais, sujeito apenas aos termos que sejam habituais e costumeiros para venda de tais ativos mantidos para venda. Com isso, a sua venda deve ser altamente provável".

Observando esses dois itens, nas partes sublinhadas, percebemos que:
 
1º - que o valor contábil a ser recuperado a partir da decisão da venda deveria ser somente através da transação pela venda, quando na verdade, se a empresa continua com esses ativos em uso, então está também se utilizando do uso contínuo.

2º - que se já foi decidido pela venda, inclusive tentando localizar comprador, o ativo ou grupo de ativo deve passar a ser mantido para venda imediatamente e em suas condições a partir da qual se decidiu por vendê-lo, e se  continuar a usar, haveriam modificações no ativo.

Diante dessa situação, não se pode classificar essas instalações no ativo não circulante  como mantido para venda.

Alternativa B
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens populares