Contabilidade e Matemática para Negócios e Concursos

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Questão 46 do Exame de Sificência CFC 2017.2 - Responsabilidade do Auditor em Relação a Fraude


A questão versa sobre a Responsabilidade do Auditor em Relação a Fraude, com base na NBC TA 240 (R1) – RESPONSABILIDADE DO AUDITOR EM RELAÇÃO A FRAUDE.



46. Ao realizar uma auditoria das Demonstrações Contábeis em uma instituição
financeira, o auditor verificou a existência de fraude contra o Sistema
Financeiro Nacional, praticada por empregados com funções significativas no
Controle Interno.

Responsabilidade do Auditor com relação fraude
Considerando-se o que estabelece a NBC TA 240 (R1) –
RESPONSABILIDADE DO AUDITOR EM RELAÇÃO A FRAUDE, NO
CONTEXTO DA AUDITORIA DE DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS,
assinale a opção CORRETA em relação à comunicação que o auditor
deve fazer ao identificar a fraude.

a) O auditor deve comunicar a descoberta da fraude aos responsáveis pela governança
apenas, os quais deverão tomar todas as medidas cabíveis para a responsabilização dos
fraudadores nos âmbitos administrativo, cível e penal, ficando o auditor, a partir da
comunicação, isento de qualquer possibilidade de responsabilização legal.

b) O auditor deve comunicar a descoberta da fraude somente aos fraudadores e aos gestores
da empresa, uma vez que essa atitude preserva o princípio do contraditório e da ampla
defesa, assegurados constitucionalmente a todos os cidadãos.

c) O auditor deve comunicar a fraude ao Conselho Federal de Contabilidade e discutir com
esse órgão a natureza, época e extensão dos procedimentos de auditoria necessários para
concluir a auditoria.

d) O auditor deve comunicar a fraude às agências reguladoras e de controle, pois, embora o
dever profissional do auditor seja o de manter a confidencialidade da informação do cliente,
as responsabilidades legais do auditor podem sobrepor-se ao dever de confidencialidade em
situações que possam resultar em danos à sociedade.

Resolução:

Como a fraude foi cometida contra o Sistema Financeiro Nacional e, estando o auditor a fazer essa auditoria numa Instituição Financeira, como diz a questão, nesse caso, a responsabilidade legal do Auditor em comunicar às autoridades reguladoras e de controle deve sobrepor-se em ralação ao seu dever de confiabilidade das informações do seu cliente. (alternativa D)

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens populares